24.4.09

Olá,
 
Depois de ter lido alguns testemunhos de algumas mulheres que já passaram por perdas… quero referir também o que já perdi… servindo talvez, de consolo e/ ou de coragem para algumas… para nunca e nunca desistirem de um sonho!
 
Tive um parto induzido onde perdi uma bebé e tive uma gravidez ectópica de gémeos…
Espaçados de 2 anos e meio…
Nunca desisti de continuar e de tentar engravidar e ter filhos…
 
Depois da 1ª perda, eu e meu marido fizemos exames para sabermos se tudo estava bem connosco… estava felizmente!
 Em 2002 aconteceu a 1ª perda, mas em Setembro de 2005 engravidei… tudo correu bem; tive uma filha …
Em 2008, Abril, engravidei de gémeos… tenho um casal que nasceu em Janeiro…
 
Os três de parto normal… os gémeos sem pontos… distanciados de 8 minutos…
 Tudo correu da melhor forma possível com os três… Sempre mamaram… nunca precisaram de berçários, nem de suplementos, nem de incubadoras…
 
Realizei-me da melhor forma possível… tenho tudo que uma Mãe gostaria de ter e da melhor forma do mundo…
 Um beijo cheio de força e coragem…
E… nunca, em algum instante, pensar em desistir…
 
Querida leitora
Agradeço-lhe, desde já, a preciosa partilha que nos dedicou. Realmente, o acreditar, o persistir são armas demasiado valiosas.
Tenho a firme certeza que hoje, muitas outras mulheres renovaram a sua esperança ao ler a sua história.
Um abraço fraterno
link do postPor projectoartemis, às 22:34  comentar

De Maria a 26 de Outubro de 2009 às 11:12
Engravidei em Janeiro/08, depois de 15meses.Foi uma gravidez muito desejada, mas quando me disseram que era uma gravidez não evolutiva, foi o maior golpe da minha vida.Lembro esse dia como um, senão o pior, dia da minha vida.Depois de um processo de aborto retido,acabei por fazer a raspagem e uns meses depois retomámos as tentativas.Mas já passou um ano e a gravidez não chega; fizemos testes e está tudo bem, até porque o meu marido já tem um filho.Estou a fazer neste momento indução de ovulação, mas por vezes torna-se dificil não desistir....

 
Espaço de partilha com objectivo de diminuir a falta de informação técnica e emocional a mulheres que vivenciam o luto da perda de um bebé ao longo da gravidez, bem como quebrar o Pacto de Silêncio resultante de todo esse processo de luto na Perda Gestacional.
Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da Perda Gestacional. Este Consultório tem um carácter informativo e o acompanhamento médico especializado por parte dos leitores não deve ser descuidado.

E-mail: projectoartemis@sapo.pt

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
Direcção APA
projectoartemis Sandra Cunha, Psicóloga desde 2005 da Associação Projecto Artémis, tem vindo a desenvolver o seu trabalho desde essa data na área da Perda Gestacional. Em paralelo, acompanhou Manuela Pontes na Direcção da Artémis como Vice Presidente. Desde Junho de 2011 está como Presidente da Associação Projecto Artémis, procurando quebrar o silêncio, alienado o seu conhecimento técnico com o da realidade da perda de um filho. Perdeu um bebé em 2007, após 2 anos de trabalho como psicóloga da Artémis, o que lhe permitiu reunir à técnica o conhecimento árdua de ter vivido na pele a perda de um filho.

Contacto:
Telefone:938633707
E-mail: projectoartemis@sapo.pt
Site: www.facebook.com/associacaoartemis

Orgão Sociais
Direcção:
Presidente - Sandra Cunha
Vice Presidente - Patrícia Vilas Boas
Secretária - Andreia Neves
Tesoureira - Susana Rodrigues
Vogal - Marco Jesus
Assembleia Geral:
Presidente - Anabela Costa
1ª Secretária - Vanessa Mack
2ª Secretária - Sílvia Melo
Conselho Fiscal:
Presidente - Ricardo Fortuna
Vogal - Mónica Cunha
Vogal - Manuel Vilas Boas
Abril 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
16
17
18

19
20
23
25

26
28
29
30


arquivos
blogs SAPO