Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



"Um vazio nunca preenchido" - testemunho

Quinta-feira, 29.09.16

A Associação Projecto Artémis disponibiliza para os seus associados serviços de psicologia. Neste momento a A-PA tem núcleos de atendimento em Braga e no Porto que funcionam por marcação.

Contactos para informações projecto.artemis@iol.pt ou 938633707

400694_4460891015118_1911552129_n.jpg

 

"Olá, Chamo-me Anabela Costa, sou Mãe de 5 filhos, 4 Anjos e uma princesa que me fez voltar a sorrir.

À 7 anos atrás realizava o sonho de ser Mãe, ter o meu filho David nos braços, vê-lo sorrir.

O momento em que o David nasceu foi magnifico, inesquecível.

Vivemos 2 meses de Amor incondicional, até ao dia em que partiu de junto de mim, momento esse também inesquecível, uma dor dilacerante.

Foi com a partida do David , que comecei a procurar respostas na tentativa de encontrar um “ consolo”, na internet e aí entre tópicos cruzados cheguei à Associação Projecto Artemis, que embora não me parecesse o tipo de apoio à minha perda, resolvi contactar.

Na Associação Projecto Artemis fui recebida de braços abertos e tinha um ombro para chorar.

Fiz terapia e conheci o rosto da perda gestacional, ao conviver com Mães que infelizmente perderam os seus bebés antes de nascerem.

Até que também eu passei a conhecer a dor da perda Gestacional, já não eram só os rostos, mas também o sentimento de dor, um vazio inexplicável.

Ao entrar para a Associação Projecto Artemis, onde encontrei o apoio e a força para continuar a caminhar e a acreditar, via que afinal havia muitas Mães que precisavam do apoio incondicional que era dado na Associação Projecto Artemis, complementando o apoio que a família dava, ou fazendo o que nestes casos muitas famílias e amigos fazem, que é desvalorizarem a dor e a perda de um filho desejado. Por isso a Associação Projecto Artemis também funciona como um porto de abrigo.

Passados 4 anos após a partida do David, e depois das perdas dos meus bebés, um com 10 semanas, outro com 7 semanas e a Miranda com 15 semanas, eis que o sonho de voltar a ter um bebé nos braços , se voltou a realizar, tendo a Maria nascido em 2013.

A dor da perda dos meus 4 bebés está sempre presente, pois ainda hoje me sinto incompleta, parcialmente vazia.

Agradeço à equipa da Associação Projecto Artemis, toda a “paciência” para me ouvirem, para me darem coragem, ajudar a levantar quando a queda era maior e seguir em frente. Lá encontrei o meu porto de abrigo.

Anabela Costa"

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Associação Projecto Artémis® às 16:32






Espaço de partilha com objectivo de diminuir a falta de informação técnica e emocional a mulheres que vivenciam o luto da perda de um bebé ao longo da gravidez, bem como quebrar o Pacto de Silêncio resultante de todo esse processo de luto na Perda Gestacional.


Direcção A-PA

projectoartemis Sandra Cunha, Psicóloga desde 2005 da Associação Projecto Artémis, tem vindo a desenvolver o seu trabalho desde essa data na área da Perda Gestacional. Desde Junho de 2011 está como Presidente da Associação Projecto Artémis, procurando quebrar o silêncio, alienado o seu conhecimento técnico com o da realidade da perda de um filho. Perdeu um bebé em 2007, após 2 anos de trabalho como psicóloga da Artémis, o que lhe permitiu reunir à técnica o conhecimento árdua de ter vivido na pele a perda de um filho.

Contacto:
Telefone:937413626
E-mail: associacaoprojectoartemis@gmail.com
Site: www.facebook.com/associacaoartemis